Factura emitida pelo benfica a elemento julgado no caso very light prova que existe relação com as claques



Chegou ao nosso blog um duplicado de uma fatura, emitida pela "S.L.B. FUTEBOL, SAD" a "Paulo Jorge Costa Dias", que diz respeito à aquisição de um Redpass Especial "Claque NN".

Esta factura, que foi inicialmente mostrada por Nuno Saraiva no novo programa da Sporting TV "Verde no Branco", é de vital importância por dois motivos:

1/ Paulo Jorge Costa Dias foi julgado no âmbito do processo do homicídio de Rui Mendes. O famoso caso do "very-light" e, ainda assim, continua a poder entrar num estádio de futebol sem nenhuma consequência. Pior, é tratado como "Especial"

2/ Na factura, é usado o termo "Claque NN". Que bate de frente com o que Luís Filipe Vieira disse na passada semana. Cito "Claques? Não sei que palavra é essa. Sei o que são sócios organizados. Nunca soube que o Benfica tinha claques. Se disserem que naquele espaço não estão sócios do Benfica... São todos sócios do Benfica e têm os mesmos direitos do que eu.".

O senso comum dizia-nos que Vieira estava a faltar à verdade. Felizmente a verdade é como o azeite e vem sempre ao de cima. Agora é esperar que o IPDJ tenha coragem de cumprir os regulamentos e castigue, implacavelmente, o clube que permite que as claques ilegais tenham direitos a benefícios como um "red pass especial".


Comentários