Mensagens

E ao sétimo padre, o Leão tropeçou

Já era de prever que não iria ser um jogo fácil. A conjugação de árbitros escolhidos para esta jornada demonstrava que o Estado Lampiânico ia fazer de tudo para que o Sporting não pontuasse.

Foram lances atrás de lances onde o árbitro Luis Godinho escolheu prejudicar o Sporting Clube de Portugal. Desde os amarelos perdoados a Koao, aos foras de jogo mal assinalados a Gelson para nem dar hipótese ao VAR de actuar, foi um inclinar de campo ao nível dos melhores padres da Liga Portuguesa. A cereja no topo do bolo foi o golo mal invalidado a Alan Ruiz que antecede o golo do Moreirense.

É triste perceber que o futebol português está cada vez pior. Mas mais triste que isso é entender que os Sportinguistas não estão preparados para combater o Estado Lampiânico. Em vez de se focarem em defender o Sporting passam os jogos a atacar os tipos que entram em campo com o nosso escudo ao peito. Enquanto assim for, nem que passem cem anos, nunca seremos campeões. Os Sportinguistas têm que estar prepar…

No dia em que a FPF pediu paz, Rui Vitória usa a bazófia para tentar menorizar o Sporting

Vamos ter um fim-de-semana de puro roubo

Mas basta de quê?

Bryan Ruiz, a nova namoradinha dos anti

Um erro de comunicação, nada mais

Um assassino chamado Samaris

Record censura jornalista e muda título de notícia

Com o VAR os árbitros inclinam os campos com amarelos

O que esperar da Taça da Liga?

O melhor deste Sporting? Ter soluções!

A queda da Estrutura

Quão pesada será a mala do Tondela?